Não vote em deputados que vivem sendo comprados por este monstro que usurpou o poder e se mantém a custa de comprar deputados sem moral, sem ética.

Os deputados Celso Russomanno (PRB), Guilherme Mussi (PP), Marcio Alvino (PR) e Roberto de Lucena (PV) votaram conforme a orientação do presidente Temer – ou seja para que a investigação não aconteça. Até a conclusão dessa nota, nenhum dos quatros deputados teve a preocupação de explicar/justificar os motivos que os levaram a preservar o resto do mandato do presidente, considerado o mais impopular do mundo.

Mais complicado que a falta de justificativas e explicações (devidas aos eleitores e a população em geral) os deputados seguem sem prestar contas das emendas parlamentares que já enviaram para Suzano e outras cidades do Alto Tietê, levando-se em considerado principalmente o fato de que o governo federal teria liberado mais emendas aos deputados que salvaram o pescoço de Temer.

Quatro deputados da região disseram sim a Temer; deputadas votaram não

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *